ATIVAsénior

 
Oficina de Teatro com Seniores 
 
  

O projeto ATIVAsénior nasceu no início de 2012, fruto de uma vontade do Teatro do Noroeste - CDV, que se foi consolidando através da relação que construímos com os Lares de Repouso e Centros de Dia do concelho de Viana do Castelo, proporcionando aos cidadãos seniores a fruição das nossas iniciativas e espetáculos no Teatro Municipal Sá de Miranda, em Viana do Castelo.

Foi assim lançado o desafio pelo Teatro do Noroeste - CDV, abrindo inscrições para o início de uma oficina de teatro com seniores.

Motivados pelo desejo de participar ativamente no processo de enriquecemento pessoal que o teatro pode proporcionar de uma forma privilegiada, um grupo de pessoas oriundo de diversos quadrantes respondeu positivamente a este desafio e desde então, o ATIVAsénior não mais parou de crescer.
    

Funcionando na Sala de Ensaios do Teatro do Noroeste - CDV no Teatro Municipal Sá de Miranda sob orientação de Ana Perfeito e Tiago Fernandes, o projeto fez a sua estreia pública em 1 de outubro de 2012, por ocasião do Dia do Idoso, integrado na iniciativa da autarquia vianense "Envelhecer Com Qualidade".

Depois disso, o ATIVAsénior passou semanalmente pela Sala de Drama da Escola Superior de Educação de Viana do Castelo, tendo voltado a assinalar em 2013, o Dia do Idoso, com mais uma estreia:
    

Tratou-se de "Festival dos Sentidos", uma criação a partir de de memórias e textos produzidos pelo grupo acerca da cidade de Viana do Castelo.

Realizaram-se duas sessões na Sala de Ensaios do Teatro do Noroeste - CDV no Teatro Municipal Sá de Miranda, num evento que contou também com o apoio da iniciativa "Envelhecer Com Qualidade", da Câmara Municipal de Viana do Castelo.

Fruto deste pródigo trabalho de afirmação de uma atividade que se tem distinguido por promover a dignidade e dinamismo de todos os participantes ao longo de um processo que tem proporcionado uma efetiva partilha de saberes entre uma dezena de participantes e os profissionais do Teatro do Noroeste - CDV, quisemos dar um próximo passo, lançando um novo desafio ao ATIVAsénior e também aos nossos espetadores:
   

O ATIVAsénior e os seus participantes integram o elenco de "A Casa do Rio", 115ª produção do Teatro do Noroeste - CDV, que conta com a participação de atores profissionais e não profissionais do elenco do Teatro do Noroeste - CDV e do ATIVAsénior que estreou no dia 6 de dezembro de 2013, no 22º aniversário do Teatro do Noroeste - CDV e esteve em cena durante uma semana, tendo esgotado o Teatro Municipal sá de Miranda para além da estreia, nas quatro últimas representações.

 


A 17 de maio de 2014, o ATIVAsénior apresentou, em conjunto com o Grupo de Dança Criativa da Escola Pintor José de Brito de Santa Marta de Portuzelo, no Museu do Traje de Viana do Castelo, um percurso performativo alusivo ao traje vianense e ao ciclo do linho, num trabalho de dança criativa orientado por Inês Rego, Ana Perfeito e Tiago Fernandes.

 

No dia 10 de abril de 2015, às 16h00, no Teatro Municipal Sá de Miranda, em Viana do Castelo, estreou "O Noivado no Dafundo", de Almeida Garrett, com interpretação do ATIVAsénior e encenação de Ana Perfeito e Tiago Fernandes, espetáculo que abriu o ciclo dedicado a Almeida Garrett, quando se assinalam 160 anos sobre a sua morte.

Em cena nos dias 10 de abril às 16h00, 21 de abril, 12 e 19 de maio às 15h00 e 6 de junho, "O Noivado no Dafundo" teve interpretação de Agostinha Dias, Alice Vasconcelos, Ana Sousa, Antonieta Brito, António Barbosa, Armanda Santos, Artur Pimenta, Filomena Alves, Guisete Parente, Helena Vieira, José Sousa, Manuel Silva, Manuela Guerreiro, Maria Alcina Cruz, Rosa Pimenta, Rosa Ramalho e Sebastião Almeida, com cenografia de Porfírio Barbosa, apoio coral de José Prata e coreografia de Inês Rego.

Após a estreia, às 17h30, integrada no Noroeste Educativo_projeto educativo do Teatro do Noroeste - CDV, foi inaugurada a exposição “Almeida Garrett – Um Ilustre Viajante em Viana do Castelo”, com coordenação e curadoria de Paula Anjos, numa iniciativa conjunta da Câmara Municipal de Viana do Castelo e do Teatro do Noroeste – CDV, com apoio do Museu Nacional do Teatro e do Dramax – Centro de Artes Dramáticas de Oeiras.

 

No dia 22 de maio de 2016, às 16h00, no Navio Hospital Gil Eannes, em Viana do Castelo, estreou "Anjo Branco", com encenação de Graeme Pulleyn a partir de Bernardo Santareno, um espetáculo que juntou mais de 60 atores amadores provenientes das oficinas de teatro regulares do Teatro do Noroeste - CDV: ATIVAsénior, ATIVAjúnior e Enquanto Navegávamos.

Em cena nos dias 22, 28 e 29 de maio, sempre às 16h00, "Anjo Branco" foi um enorme sucesso e teve lotação completa em todas as suas apresentações, levando abertura de duas sessões extra, nos dias 4 e 5 de junho, também elas esgotadas.

Em 2017, o espetáculo foi reposto nos dias 3 e 4 de junho, no âmbito da 40ª edição do FITEI - Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica, do qual Viana do Castelo foi, este ano, uma das cidades organizadoras, juntamente com o Porto e Matosinhos.

 

ATIVAjúnior
 
 Oficina de Teatro com Jovens
 
 

 

À semelhança do projeto ATIVAsénior e fruto dos workshops desenvolvidos recentemente, o Teatro do Noroeste - CDV criou em Setembro de 2014 o ATIVAjúnior, destinado aos mais jovens, com a finalidade de continuar a aprofundar a ligação artística e cultural entre a companhia e a comunidade.

A programação desta Oficina de Teatro contempla a preparação de adolescentes, na faixa etária dos 12 a 18 anos, para a prática e fruição teatrais.

A prática teatral com os adolescentes envolve o fazer e apresentar, assim como a formação de público infanto-juvenil. As sessões contemplam a investigação do espaço cénico, a pesquisa do movimento corporal, a expressão vocal e rítmica do formando-ator, que também participa na investigação dos elementos que compõem o cenário, os figurinos, a iluminação e a sonoplastia inerentes à produção teatral.

O primeiro espetáculo do ATIVAjúnior, “Viram-me Atirar Pedras À Lua”, a partir de “Histórias Mínimas” de Javier Tomeo, com encenação e dramaturgia de Ana Perfeito e Tiago Fernandes, estreou no dia 6 de junho de 2015, às 21h30, no Teatro Municipal Sá de Miranda, em Viana do Castelo.

 

No dia 22 de maio de 2016, às 16h00, no Navio Hospital Gil Eannes, em Viana do Castelo, estreou "Anjo Branco", com encenação de Graeme Pulleyn a partir de Bernardo Santareno, um espetáculo que juntou mais de 60 atores amadores provenientes das oficinas de teatro regulares do Teatro do Noroeste - CDV: ATIVAsénior, ATIVAjúnior e Enquanto Navegávamos.

Em cena nos dias 22, 28 e 29 de maio, sempre às 16h00, "Anjo Branco" foi um enorme sucesso e teve lotação completa em todas as suas apresentações, levando abertura de duas sessões extra, nos dias 4 e 5 de junho, também elas esgotadas.

Em 2017, o espetáculo foi reposto nos dias 3 e 4 de junho, no âmbito da 40ª edição do FITEI - Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica, do qual Viana do Castelo foi, este ano, uma das cidades organizadoras, juntamente com o Porto e Matosinhos.

 

Enquanto Navegávamos

Oficina Teatro Ex-trabalhadores ENVC

 

 

O Enquanto Navegávamos – Oficina de Teatro dos Ex-Trabalhadores dos ENVC nasceu como consequência natural do espetáculo “Enquanto Navegávamos”, prosseguindo as dinâmicas suscitado pelo processo criativo, após o qual, o grupo manteve os encontros semanais, participando em diversos espetáculos comunitários apresentados pelos Teatro do Noroeste – CDV na temporada 2014-2015 e funcionando atualmente como oficina de teatro do Projeto Comunidade do Teatro do Noroeste – CDV.

 

No dia 22 de maio de 2016, às 16h00, no Navio Hospital Gil Eannes, em Viana do Castelo, estreou "Anjo Branco", com encenação de Graeme Pulleyn a partir de Bernardo Santareno, um espetáculo que juntou mais de 60 atores amadores provenientes das oficinas de teatro regulares do Teatro do Noroeste - CDV: ATIVAsénior, ATIVAjúnior e Enquanto Navegávamos.

Em cena nos dias 22, 28 e 29 de maio, sempre às 16h00, "Anjo Branco" foi um enorme sucesso e teve lotação completa em todas as suas apresentações, levando abertura de duas sessões extra, nos dias 4 e 5 de junho, também elas esgotadas.

Em 2017, o espetáculo foi reposto nos dias 3 e 4 de junho, no âmbito da 40ª edição do FITEI - Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica, do qual Viana do Castelo foi, este ano, uma das cidades organizadoras, juntamente com o Porto e Matosinhos.

 

Informações: 258 823 259 | 967 552 988 

 

geral@centrodramaticodeviana.com